Instalação de cinco presídios federais no Estado é solicitada pelo deputado Arlen Santiago

O deputado Arlen Santiago, sempre lutando pela melhoria da segurança pública de Minas Gerais, solicitou à presidenta da República, Dilma Rousseff, a instalação de cinco presídios no Estado, o aumento do efetivo de policiais rodoviários, bem como o repasse de verbas para essa área.

De acordo com o Deputado, quando Aécio Neves assumiu o Governo do Estado, Minas Gerais contava com 6 mil presos, e hoje, o número já atingiu 60 mil. Dos crimes cometidos, 75% são federais, como o tráfico de drogas, entre outros. “O Governo Federal não investe em segurança pública, tanto que em Minas Gerais nós não temos nenhum presídio federal. Parece que não querem tomar conta dos presos e nem ajudar o Estado a cuidar de todos os problemas”, lamentou.

Com mais de 20 milhões de habitantes, Minas foi o primeiro Estado brasileiro a promover a integração de suas forças policiais em um trabalho conjunto com sistema prisional e atendimento às medidas socioeducativas. O Estado também investe em programas de prevenção à criminalidade e é um dos que mais aplicam recursos financeiros no sistema de inteligência dos órgãos que compõem o Sistema de Defesa Social.

A luta por melhorias no Estado é um compromisso antigo de Arlen Santiago que é reconhecido por não medir esforços para o aprimoramento da segurança. “O Governo Federal, ao atender essa reivindicação, estará atendendo às solicitações do povo mineiro, e essas ações trazem um pouco mais de tranquilidade aos cidadãos”, observou.

O parlamentar afirmou ainda que continuará lutando para dar continuidade e acelerar a implementação de mais ações para a segurança dos mineiros. “Tenho cobrado sistematicamente mais investimentos nessa área, e o Governo do Estado vem tratando a questão como matéria prioritária, realizando investimentos, assim como ampliando as medidas preventivas, porém, é preciso que o Governo Federal aplique, urgentemente, recursos em nosso Estado”, finalizou.